RSS do Blog Anti-NOMBlog Anti-NOM no Google Mais Twitter do Blog Anti-NOM Facebook do Blog Anti-NOM

A Geoengenharia, Há Muito Tempo Denunciada como uma Teoria da Conspiração, Agora é Defendida Abertamente Pelos Cientistas de Harvard para Alterar o Clima

sábado, 6 de maio de 2017 |

Parece que os defensores da geoengenharia estão percebendo que não podem esconder seus planos sinistros por trás da máscara das "teorias de conspiração" para sempre, e agora estão optando por tentar persuadir as massas que os chemtrails são todos parte do seu plano para proteger a terra. Como todos sabemos, aqueles de nós que foram conscientes dos esforços dos chemtrails e da geoengenharia há já algum tempo, têm sido consistentemente desacreditados e silenciados. Agora, em vez de continuar negando a existência dessas ações, os cientistas foram à mídia para declarar que eles estão apenas começando a experimentar a pulverização de aerossóis na atmosfera, supostamente para combater a "mudança climática".


Curiosamente, o mesmo site de notícias que compartilhou esta grande história em meados de abril de 2017, o  Daily Mail, também publicou um artigo declarando que os chemtrails eram falsos não muito tempo atrás. Aparentemente, eles mudaram de opinião. Os chemtrails são agora, de repente, uma "ferramenta" para salvar o planeta, eles nos dizem!

A Geoengenharia, Há Muito Tempo Denunciada como uma Teoria da Conspiração, Agora é Defendida Abertamente Pelos Cientistas de Harvard para Alterar o Clima

Como o Daily Mail agora admite, os cientistas de Harvard anunciaram que usarão sprays de aerossóis no céu, supostamente em um esforço para ganhar o controle sobre o clima da Terra. Alguns cientistas, no entanto, acreditam que os efeitos destes poderiam ser catastróficos. Surpresa.

Os pesquisadores de Harvard dizem que o chamado experimento "primeiro-do-gênero", provavelmente começará em algum momento no próximo ano. Claro, esta não é realmente a primeira vez que os cientistas vão pulverizar aerossóis para a atmosfera; é apenas a primeira vez que eles estão realmente admitindo isso. O denunciante da EPA, Michael Davis, que trabalhou na agência há 16 anos e trabalhou para a Divisão de Sistemas de Eliminação de Descarga de Poluição (NPDES) da Divisão de Águas da Região 5, localizada em Chicago, Illinois, manifestou-se no começo deste ano para expor os esforços da geoengenharia da agência. Davis teria sido demitido por se atrever a falar sobre suas preocupações. "Eu fui eliminado como um funcionário público que executa um serviço público para levantar os problemas da deposição antropogênica do alumínio devido à geoengenharia atmosférica," afirmou ele.

Davis não é o único cientista que tem preocupações sobre as consequências da tentativa de controle do clima. A técnica controversa de usar sprays do aerossol para obstruir os raios do sol poderia render consequências catastróficas. Não só o dióxido de carbono continua a se acumular, mas alguns pesquisadores dizem que se alguma vez precisarmos parar de pulverizar os aerossóis - talvez por causa de danos causados ​​ao meio ambiente conforme os compostos caem no chão - poderia inevitavelmente levar a uma mudança global acelerada em temperatura.

Como o Daily Mail explica, no passado, os pesquisadores estavam pelo menos focados em usar compostos não-reativos. Curiosamente, referenciar pesquisas anteriores mostra claramente que a geoengenharia não é nova. O uso de compostos não-reativos foi investigado pela primeira vez como uma forma de minimizar danos à camada de ozônio, mas os pesquisadores estão agora resolvendo arriscar.

"Em vez de tentar minimizar a reatividade do aerossol, queríamos um material que fosse altamente reativo, mas de uma maneira que evitasse a destruição do ozônio", disse o co-autor Frank Keutsch. Os pesquisadores estão agora se concentrando na calcita, que é um composto bastante reativo encontrado no calcário. Esta é uma escolha estranha porque quando a calcita se quebra, produz dióxido de carbono - que é o que os entusiastas da mudança climática geralmente culpam pela mudança climática desde o início.

A calcita é conhecida por fazer isto na presença de um ácido, o ácido clorídrico diluído (HC1) especificamente diluído. E como a pesquisa tem documentado, este ácido está presente na atmosfera da Terra - e em 2014, foi documentado que a quantidade de HCl na estratosfera da Terra tinha aumentado. Você pode ver onde isso vai: se esses dois compostos fossem reunidos, poderia potencialmente levar à produção de mais CO2, especialmente dado que as partículas nano ou partículas menores de calcita seriam necessárias para criar um aerossol.

Como explica a Administração Nacional Oceânica e Atmosférica, "O dióxido de carbono pertence a uma categoria de gases conhecidos como gases de efeito estufa". Os gases do efeito estufa são considerados um dos fatores que contribuem para o "aquecimento global", os quais esses esforços da geoengenharia estão supostamente sendo projetados para combater.

Talvez seja por isso que os pesquisadores dizem que, se os raios do Sol já não fossem mais bloqueados, seus esforços realmente fariam com que a temperatura da Terra mudasse ainda mais rapidamente.

Leia mais:


Experiência de Geoengenharia Insana Pode Bloquear o Sol e Causar Fome em Massa Enquanto as Plantações Fracassam












Fontes:
- Natural News: Geoengineering, long denounced as a conspiracy theory, now openly advocated by Harvard scientists to alter the climate
- Daily Mail: Aerosols to protect Earth from global warming will be sprayed into the stratosphere NEXT YEAR, but scientists warn the results could be 'catastrophic'
GeoEngineering Watch: US EPA Scientist Fired For Trying To Tell The Truth About Climate Engineering And Fluoridated Water
University of Minnesota: Calcite (and Aragonite)
Climate: Climate Change: Atmospheric Carbon Dioxide

Nenhum comentário:

Posts Relacionados
 
;