RSS do Blog Anti-NOMBlog Anti-NOM no Google Mais Twitter do Blog Anti-NOM Facebook do Blog Anti-NOM

Refutando Zeitgeist

quarta-feira, 24 de junho de 2009 |
Este filme é muito interessante. Ele refuta algumas dos assuntos levantados no filme Zeitgeist e Zeitgeist Adenddum.

Eu fico feliz por ter visto Zeitgeist, pois foi o que me levou a pesquisar e descobrir a realidade que nos cerca e a qual ignorei por 36 anos. Após ter assistido zeitgeist que comecei minha trilha de descobrimento.

Mas alguns dos pontos do Zeigeist realmente sao suspeitos.
Na parte 1 do Zeitgeist, na comparacao que faz do cristianismo com outras religioes antigas, este filme mostra como foi generalizado varias das comparacoes e como a semelhanca era na realidade ao contrario, ou seja, foram outras religioes e crencas que incorporaram os dogmas do cristianismo.
A parte da utopia por exemplo, que seriamos melhor sem países com um governo centralizado. Nao sei mas para mim isto me cheira a "Nova Ordem Mundial", quer saber? Estou fora!!!




Este é um outro vídeo regutando zeitgeist, com legendas em portugues:
http://www.youtube.com/view_play_list?p=574B5EAB753F369F



Eu já tinha minhas desconfiancas quando achei um vídeo com entrevista de Alex Jones e Peter Joseph. Alex Jones avacalhou tanto com Peter que fiquei até com pena. na realidade foi quando tive o primeiro contato com Alex Jones, que hoje acompanho e admiro.

Abaixo a entrevista de alex jones e peter joseph:





Fontes:

5 comentários:

Thasinha disse...

a realidade nua e crua vemos por detrás de todo esse emaranhado de idéias. a intenção dos "Regentes do mundo globalizado" é encoberta por tudo isso. Não há dúvidas que caminhamos para esse mundo tão discutido pelas teorias conspiratórias e toda essa "liberdade" para se falar e especular sobre tais assintos certamente faz parte do plano "deles" Refutar qualquer teoria conspiratória é silenciar a revolução do pensamento humano afinal tudo o que alcançamos de progresso como humanidade começou assim: Teorias.

Guilherme Meirelles disse...

Assisti Zeitgeist e tenho visto alguns textos sobre a teoria de um governo mundial. Bom, estou fazendo nesse momento a seguinte reflexão, um governo único exigiria uma unidade filosófica e de comando entre as pessoas mais poderosas do planeta. Não creio que esta unidade possa existir entre consciências que não estejam muito desenvolvidas espiritualmente, ou seja, não acredito nisso. A vaidade e o egoísmo humano não permitiriam uma ação única, ou seja, os poderosos do mundo também estão em guerra e em constante competição, por mais poderosa que fosse uma organização, esta não conseguiria uma hememonia mundial se for formada por seres humanos comuns, já um ser humano evoluído não interferiria no livre arbítrio de seu semelhante de forma a tentar impor um governo único. A história nos mostra que todas as tentativas de impor uma hegemonia mundial fracassaram, a Alemanha nazista foi a última que tentou isso com seu sonho de 3o Reich... Falei bobagem?

aryneto disse...

Acho que a proposta não é um governo mundial. Mas um sistema sem governo. Sem leis. Sério. Para que existe a necessidade de governo? ou de Leis? Para ser governado e subjugado. Os judeus pediram para Deus um Rei. Deus disse que ele governava diretamente o povo pelos profetas. "Mas todo mundo tem um rei", então eu tenho que ter um também. Altamente capitalista e ignorante. Quanto mais bem educado e intelectual um povo, menor a ação do governo e das leis sobre ele. Hoje, não precisamos de leis para dizer que matar um ser humano é errado, mas sim para impedir um homem que, quando criança viu sua mãe apanhar de seu pai, e agora acha normal bater em sua esposa. Precisamos de leis para corrigir os problemas de educação e desigualdade financeira geradas pelo dinheiro. E de governo para decidir o que é melhor para o povo. RSSRSRSRSRSR (até parece) O que é engraçado é o fato do cristão ser tão obtuso e manipulável. São cegos que não querem enxergar. Até porque qualquer cristão, com o mínimo de bom senso, e sabedoria, deveria ter a capacidade de analisar, discernir e utilizar o melhor dos documentários para si, e descartar o que discorda. Se há algo de divino (semelhante a Deus) no ser humano é o intelecto. A capacidade ilimitada de aprendizado. A curiosidade. O que me espanta é que, até onde vi, toda a pregação de Cristo é está no filme (com óbvias ressalvas). O que Jesus queria para a humanidade é a utilização dos recursos para o bem de todos. Ou não? Abundância e não escassez, correto?. Ele disse que os pássaros não morrem de fome, ainda mais nós seres humanos, o que Deus tem para nós. E imagina quanta gente tem morrendo de fome, enquanto outros comem ouro. Ele pregou o total desapego material. E ainda, quando Jesus foi perguntado se era legal pagar tributos ele pegou uma moeda e olhou para ela (tinha a imagem de César) disse a famosa frase: "Dai a Cesar o que é de César e a Deus o que é de Deus" ou seja, EXPLODA-SE o dinheiro. Para Deus isso não é nada. O ser humano sim. Não estou julgando a divindade de Cristo. Fato é que ele pregou um estilo de vida maravilhoso, que se fosse seguido mesmo, como era para ser, estaríamos certamente melhor hoje. Para o estudo da Sociologia Jesus é considerado um "Socialista Utópico". Mas acho que em este conceito deve mudar, pois o socialismo também é baseado em dinheiro e assim que o ser humano sair deste buraco, a sociologia pós moderna vai mudar essa nomenclatura, acredito. Porque os cristãos deturparam tanto a pregação de Jesus? Por uma pequena diferença de interpretação dão nome diferente a sua Igreja, diminuindo seu circulo de relacionamento. Ignorando não só os Budistas, Islamitas, etc, mas os próprios cristão. Sei que Jesus não tava nem ai para o dinheiro, e nem para o nome, e o que as Igrejas Cristãs mais se preocupam é com isto. Os cristãos, ainda, hipocritamente julgam as pessoas e as tentam impedir de fazer o bem. De pensar formas de melhorar a nossa vida. Igual a 500 anos atrás durante a Inquisição. Quantos imbecis cometeram suicido em nome de Jesus. RSRS. Deveriam, como Cristo, mudar este sistema falido em que se encontra a humanidade (o mesmo sistema que funcionava na época de Cristo, que o crucificou, e que funciona até hoje). Temos minerais, energia, tecnologia para que todos tenham comida, casas, carros, estudo, TUDO. PARA TODOS. Não era essa a idéia primaria de Deus? Éden. Não é isso que Jesus pregou? Se realmente Jesus voltar na terra, e reinar por mil anos, como relata a bíblia, estou certo que o mundo será como descrito no filme. Harmonia social. Felicidade. Pessoas vivendo mil anos. Se você crê em Jesus, deveria repensar sobre o que ele realmente queria. Despir-se dos dogmas da sua denominação e imaginar o que Deus queria quando fez a humanidade. Jesus não tem nada a ver com o modo de vida dos cristãos atuais. Os pregadores de terno Armani. Pense bem pois talvez, desse jeito você vai acabar indo pro inferno. RS. Um Forte Abraço aos meus amigos seres humanos, eu amo a todos vocês de coração. Sinceramente desejo vida longa e próspera.

Daniela disse...

Bom...ouvi Alex Jones e Peter Joseph (sou fã dos dois!), e diria que cada um "tem seu ponto". Discordam em vários momentos na maneira como "lêem" este mundo, mas ainda assim, cada um "tem O SEU ponto". Não precisam concordar, o importante é que se expressam, cada um ao seu modo, contribuindo através de suas linguagens e percepções tão peculiares, para a DIVERSIDADE neste planeta que, aliás, deveria ser tão mais respeitada ;-)

Daniel disse...

..."ou seja, foram outras religioes e crencas que incorporaram os dogmas do cristianismo."

Cara, na boa, cronologia.

Sei que é dificil, nascer em uma sociedade "obrigatoriamente" cristã, que nos deixa tão cego que acreditamos até em nossas próprias mentiras.

Mas sem uma maquina do tempo, não vejo por exemplo como o hinduísmo(que na verdade nem esse nome é verdadeiro, invenção de europeu) ter copiado o cristianismo.

Quer aprender de verdade, estude a fundo os tópicos de interesse, não só especule, mas estude com a mente aberta.

Abraço.

Posts Relacionados
 
;