RSS do Blog Anti-NOMBlog Anti-NOM no Google Mais Twitter do Blog Anti-NOM Facebook do Blog Anti-NOM

Viktor Orbán: "A Hungria é um País Cristão e não um Lugar para o Multiculturalismo"

quinta-feira, 14 de março de 2019 |

Uma criança tem direito a mãe e pai, e nossa nação tem o direito de defender suas fronteiras”.

Em uma entrevista feita pelo político e ensaísta francês Philippe de Villiers, o primeiro-ministro Viktor Orbán diz que não há lugar para o multiculturalismo na Hungria.

O que ultraja os nossos adversários é o fato de na nossa Constituição termos escrito que a Hungria tem raízes cristãs, que aqui não há lugar para o multiculturalismo, que uma criança tem direito a mãe e pai e que a nossa nação tem o direito de defender suas fronteiras.


Orbán afirmou que o povo húngaro tem antigas tradições de resistência à “soberania limitada”: “Primeiro, havia os governantes do Sacro Império Romano, depois os khans do vasto Império Mongol, seguidos pelos sultões do Império Otomano; e depois os camaradas soviéticos e seus tanques. Todos eles queriam acabar com a Hungria”, disse ele, “mas, misteriosamente o povo húngaro sobreviveu em um mar sem fronteiras de alemães e eslavos”.


Dinamarca vai Começar a Enviar Migrantes para Casa em vez de Integrá-los






Questionado se está preocupado hoje com o perigo da dissolução nacional, Orbán disse que vê a desintegração da UE como um perigo maior, com uma linha dividindo a Europa em duas partes - uma que está se tornando islamizada e outra que não quer se tornar Islâmica.

Ele delineou as escolhas assim: “Se eles nos deixarem sozinhos e não forçarem a islamização sobre nós, a Europa pode viver como um clube de nações livres. Se, no entanto, forçarem-nos a aceitar o pacto de migração da ONU ou as decisões da Comissão Européia, alinhando-nos, assim, com sua política ocidental permissiva, a desintegração não pode ser descartada”.

Leia mais:



Chefe do Parlamento Húngaro Adverte sobre "Governo Mundial" Anti-Humano






Hungria Declara Estado de Emergência sobre a Crise da Migração






Relatório: ONU e Soros por trás da Invasão de Caravanas de Migrantes






Fontes:
Infowars: VIKTOR ORBÁN: “HUNGARY IS A CHRISTIAN COUNTRY AND NOT A PLACE FOR MULTICULTURALISM”
Voice of Europe: Viktor Orbán: “Hungary is a Christian country and not a a place for multiculturalism”
Website of the Hungarian Government: Hungary belongs to Europe. We are Europe

Nenhum comentário:

Posts Relacionados
 
;