RSS do Blog Anti-NOMBlog Anti-NOM no Google Mais Twitter do Blog Anti-NOM Facebook do Blog Anti-NOM

[Documento Vazado] Revelado o Papel de George Soros na Censura das Mídias Sociais

terça-feira, 28 de agosto de 2018 |

A censura da mídia social está aqui e às claras, e ficou claro que as grandes empresas de tecnologia estão trabalhando juntas para derrubar e silenciar os membros da imprensa livre por razões políticas. Claro, isso tem tudo a ver com Donald Trump no cargo, e se você o apoia ou não, o que está sendo perdido no esforço para demiti-lo acabará afetando a todos.


A censura não é a maneira americana, e embora as pessoas hoje possam pensar que o "outro" está errado e não deveria ser permitido falar, é preciso um tipo especial de influência para alcançar o nível de proibição da plataforma e da mídia social que nós vimos nas últimas semanas.

Acontece que, de acordo com um documento vazado de 49 páginas, essa influência especial pode não ser outra senão o próprio George Soros, o agitador político liberal mais rico do mundo. Soros tem sido conhecido por exercer influência, através de sua imensa riqueza pessoal, no nível das bases de muitas lutas políticas ao redor do mundo.

Um memorando confidencial de 49 páginas para derrotar Trump que trabalha com as principais plataformas de mídias sociais para eliminar a “propaganda de direita e notícias falsas” foi apresentado em janeiro de 2017 pelo fundador do Media Matters, David Brock, em um retiro na Flórida com cerca de 100 entidades financiadoras, relatou o Washington Free Beacon na época.

O documento obtido pela The Free Beacon afirma que o Media Matters e outros grupos financiados por Soros têm “acesso a dados brutos de Facebook, Twitter e outros sites de mídia social” para que eles possam “acompanhar sistematicamente e analisar esses dados não filtrados.[The Duran - Leaked 49-page memo documents how George Soros is behind social media censorship]

O memorando confidencial completo, que se lê como um manifesto político subversivo, foi escrito pelo ativista político liberal americano e autor, David Brock, que também é o fundador do Media Matters for America.

Intitulado, Questões Democráticas: Plano Estratégico de Ação, e criado no início de 2017, estabelece o plano democrata de se opor à presidência de Trump a todo custo, travando uma guerra diária da mídia, e que temos sentido os resultados dessa estratégia desde que Trump assumiu. Depois de quase dois anos como presidente, o cenário da mídia está em caos total, e a população está mais dividida do que jamais esteve desde a Guerra Civil Americana.

Em relação a Soros, ele é um conhecido financiador do Media Matters, do qual ele tem apoiado desde 2010 em um esforço aberto para combater organizações de notícias como a Fox News. Soros desenvolveu a reputação de ser o principal bankroll de agitprop do mundo.

O Media Matters é um dos poucos grupos que tenta responsabilizar a Fox News pelas informações falsas e enganosas que frequentemente transmitem. Estou apoiando o Media Matters em um esforço para divulgar mais amplamente o desafio que a Fox News coloca ao discurso civil e informado em nossa democracia. ~ George Soros

O esforço para censurar a mídia social começou com a eleição de Trump, que viu o lançamento do termo "notícias falsas", e o memorando de Brock descreve claramente como esse plano deveria trazer a censura resultante que vemos hoje.

Do memorando de Brock:



Além disso, o memorando discute como grandes empresas de tecnologia como Google, Facebook e Twitter (todas as quais estão censurando abertamente as contas de usuários hoje) serão recrutadas e convocadas para conspirar com a agenda de Soros e Brock para manipular o cenário político.

O conluio entre Media Matters e plataformas de mídia social é bastante profundo, como observado pelo site WND:

O documento afirma que o Media Matters e os grupos de extrema esquerda têm “acesso a dados brutos do Facebook, Twitter e outros sites de mídia social” para que possam “monitorar e analisar sistemicamente esses dados não filtrados”.

"Quanto mais cedo pudermos identificar uma notícia falsa, mais efetivamente podemos anulá-la", afirma o memorando. "Com essa nova tecnologia na ponta dos dedos, os pesquisadores que monitoram as notícias em tempo real poderão identificar as origens de uma mentira com precisão matemática, criando um sistema de alerta antecipado para notícias falsas e desinformação".

Pensamentos finais

Novamente, se for permitido que a censura aberta da mídia independente americana crie raízes, todos sofrerão a longo prazo. Enquanto a política pode parecer o maior jogo da cidade, acima deste espetáculo estão os valores e tradições que fizeram com que este país valesse a pena viver. Uma vez que isso tenha acabado, os EUA ficarão totalmente irreconhecíveis e bilionários como Soros se tornarão nossos reis de fato e senhores.

Leia mais:


Soros Agora Compra Ações de Mídia Social







Trump Critica a Indústria da Tecnologia por Censura ao Infowars: "Deixem que Todos Participem"






George Orwell nos Advertiu Sobre o Tipo Mais Perigoso de Censura






Fontes:
- Activits Post: Soros’ Role in Social Media Censorship Revealed in Leaked Document
- Scribd: Full David Brock Confidential Memo On Fighting Trump

Nenhum comentário:

Posts Relacionados
 
;