RSS do Blog Anti-NOMBlog Anti-NOM no Google Mais Twitter do Blog Anti-NOM Facebook do Blog Anti-NOM

Primeiro Caso de Ebola nos EUA: Serão Ativadas as Medidas de Emergência do CDC?

quarta-feira, 1 de outubro de 2014 |

A preparação permitiria a quarentena de "pessoas saudáveis", que "não apresentem sintomas" do vírus

A confirmação de que o primeiro caso de Ebola já chegou aos EUA irá provocar perguntas sobre se o CDC vai promulgar os procedimentos de emergência que poderiam permitir que mesmo americanos saudáveis ​​sejam detidos contra sua vontade.

O Centro de Controle de Doenças (CDC) confirmou hoje que uma vítima do Ebola foi internada no Hospital Presbiteriano de Saúde do Texas, em Dallas. O referente "histórico de viagem recente" do paciente sugere que a vítima chegou de um dos países africanos atingidos pelo vírus.

O paciente foi mantido em "isolamento total" e o hospital está "cumprindo todas as recomendações dos Centros de Controle de Doenças e do Departamento de Saúde do Texas para garantir a segurança de outros pacientes e pessoal médico", segundo a WFAA.

Em um compreensível esforço para evitar a histeria, o CDC tem sido reticente em liberar muitos detalhes sobre seus preparativos para um possível surto de Ebola dentro dos Estados Unidos, embora atualmente os planos publicamente disponíveis permitam a quarentena de "pessoas saudáveis", bem como aqueles que "não apresentam sintomas" do vírus.

O site oficial do CDC detalha as 'leis específicas e regulamentos que regem o controle das doenças transmissíveis' , sob as quais mesmo os cidadãos saudáveis, que não apresentem quaisquer sintomas do Ebola seriam forçosamente postos em quarentena a mando da autoridades médicas.

"A quarentena é usada para separar e restringir a circulação de pessoas saudáveis que podem ter sido expostas a doenças transmissíveis e para ver se elas ficam doentes. Essas pessoas podem ter sido expostas a uma doença e não sabem disso, ou elas podem ter a doença mas não apresentam sintomas", afirma o CDC.

Leia também:
- Obama Leva o Ebola para a os EUA após Assinar a Ordem Executiva para Deter Americanos Doentes

No mês passado, o ex-funcionário da FDA Scott Gottlieb, escreveu para a Forbes que o CDC vai invocar poderes para "conter uma pessoa saudável contra a sua vontade" no caso de um surto de Ebola, advertindo que os federais podem assumir "muita competência para deter pessoas involuntariamente", levando a "cenários assustadores, onde as pessoas podem ser detidas por longos períodos, apenas por uma suspeita que podem ter sido expostas a algum patógeno. E forçadas a se submeter a certas intervenções médicas para ganhar sua liberdade."

Uma ordem executiva assinada pelo presidente Obama no final de julho também permite a "apreensão, detenção ou liberação condicional dos indivíduos para evitar a introdução, transmissão, ou a propagação de suspeitas doenças transmissíveis."

Como já relatado anteriormente hoje, o CDC também instruiu as funerárias para se prepararem para as vítimas do Ebola, dizendo aos trabalhadores para não embalsamar os cadáveres ou realizar autópsias.

Leia mais:


Blog Anti Nova Ordem Mundial: CDC Alerta as Funerária dos EUA para se Prepararem para as Vítimas do Ebola








82% dos Pacientes de Ebola São Rejeitados nos Hospitais para Morrer em Casa, Espalhando Infecções aos Membros da Família








CDC Conclui que Poderá Haver Mais de 1 Milhão de Casos de Ebola até o Final de Janeiro





Fontes:
- Infowars: Will CDCactivate emergency measure after ebola confirmed in US?
WFAA: CDC: Ebola confirmed in Dallas patient
CDC: Legal Authorities for Isolation and Quarantine
Forbes: If Ebola Arrives In The U.S., Stopping It May Rely On Controversial Tools
Infowars: Obama signs executive order to allow detention of americans with respiratory illnesses
- Blog Anti Nova Ordem Mundial: CDC Alerta as Funerária dos EUA para se Prepararem para as Vítimas do Ebola

Nenhum comentário:

Posts Relacionados
 
;