RSS do Blog Anti-NOMBlog Anti-NOM no Google Mais Twitter do Blog Anti-NOM Facebook do Blog Anti-NOM

Amanda Bynes Acusa seu Pai de Abuso, Fala de Microchip no Cérebro e é Internada

sábado, 18 de outubro de 2014 |

Amanda Bynes é um exemplo óbvio de controle mental monarca devido a suas origens na indústria e a seu comportamento típico de uma vítima MK. Nesta semana, ela voltou a fazer notícia novamente ao postar uma série de tweets sobre seu pai ter abusado dela quando criança e sobre a existência de um microchip em seu cérebro. Depois, ela foi levada a um hospital em Los Angeles por Sam Lufti, o ex-assessor e manipulador de Britney Spears, que esteve também por perto durante a famosa "crise mental" da cantora.

Amanda Bynes já vinha mostrando sinais que estava passando por uma "crise mental", mas sabemos que isso não é apenas uma simples crise mental. Nesta última sexta-feira (10), ela usou o Twitter para acusar o pai de abusar dela sexualmente quando criança e, mais tarde, desmentiu tudo, falando que ela teria escrito tudo isso devido a um microchip em seu cérebro. As coisas que Amanda Bynes tuitou (abuso sexual pelo pai/manipulador e lavagem cerebral) descrevem perfeitamente a condição de uma vítima monarca. Muitas delas tiveram uma infância de abuso sexual doméstico. O abuso sexual na infância torna a pessoa mais propícia a se dissociar, condição indispensável na programação MK-Ultra. Os tweets foram mais tarde deletados, mas estiveram no ar o tempo suficiente para que inúmeras fontes pudessem capturá-los.

"Meu pai abusou de mim física e moralmente quando criança. Preciso contar a verdade sobre o meu pai. Ele me xingou e depois perguntou se eu queria fazer sexo com ele. Fui forçada a viver com ele, o que foi um pesadelo total. Meu pai se exibiu para mim diversas vezes e tentei pegar no telefone para gravá-lo muitas vezes dizendo ou fazendo coisas impróprias e assim colocá-lo na cadeia para o resto da sua vida de pervertido".

Após falar sobre o abuso sexual de seu pai, Amanda desmentiu dizendo que foi um microchip implantado em seu cérebro que teria feito ela dizer tais coisas.


"Meu pai nunca fez nenhuma daquelas coisas. O microchip no meu cérebro me fez dizer tudo aquilo, mas ele foi quem ordenou que eles inserissem o chip em mim".

O mais intrigante na história toda é que poucas horas após os estranhos e reveladores tweets, Sam Lufti, o antigo manipulador e assessor de Britney Spears, pegou Amanda em Nova York e a levou para Los Angeles para ser internada em uma clínica (porém, ela não sabia que seria internada). Por que sempre Los Angeles? Por que Sam Lufti está sempre por perto dessas celebridades MK? Talvez porque ele seja mesmo um manipulador MK e Los Angeles seja onde as verdadeiras "clínicas MK-Ultra" estão instaladas, e também onde Amanda será provavelmente reprogramada. Estamos assistindo a mais uma triste história de uma vítima de controle mental se repetindo.

Leia mais:


Kesha Processa Produtor/Manipulador Dr. Luke por Abuso que Quase a Levou à Morte
















Fotógrafo de Moda Terry Richardson é Acusado de Explorar e Abusar de Modelos





Fontes:
- Danizudo: Amanda Bynes Acusa seu Pai de Abuso, Fala de Microchip no Cérebro e é Internada
Danizudo: Amanda Bynes: Outro Produto da Indústria do Controle Mental?
Danizudo: Amanda Bynes Sob Custódia Psiquiátrica
Danizudo: Amanda Bynes segue os Passos de Britney Spears e é colocada Sob Tutela
Radar Online:Britney Spears’ Controversial Manager Sam Lutfi Helped Get Amanda Bynes Back To LA; Source: ‘Amanda Only Trusts Sam,’ But Her Parents Work To Keep Them Apart

Nenhum comentário:

Posts Relacionados
 
;