RSS do Blog Anti-NOMBlog Anti-NOM no Google Mais Twitter do Blog Anti-NOM Facebook do Blog Anti-NOM

Sim, Você Está sob Vigilância

domingo, 30 de março de 2014 |

Funcionários da desinformação muitas vezes brincam que todas as suas comunicações estão sendo monitoradas, mas adivinhe, você está sob vigilância também. Julia Angwin explica no The Week:

Estamos vivendo em uma nação big-brother - um mundo de monitoramento indiscriminado onde as instituições estão estocando dados sobre os indivíduos em um ritmo sem precedentes. A ascensão de rastreamento indiscriminado é alimentado pelas mesmas forças que nos trouxeram a tecnologia que tanto amamos - os recursos computacionais poderosos em nossos desktops, laptops, tablets e smartphones.

Antes dos computadores serem comuns, era caro e difícil de rastrear indivíduos. Os governos mantiveram registros apenas de ocasiões, como nascimento, casamento, propriedade e morte. As empresas mantinham registros quando um cliente comprava algo e preencheu um cartão de garantia ou se juntava a um clube de fidelização. Mas a tecnologia tornou fácil e barato para as instituições de todos os tipos manterem registros sobre quase todos os momentos de nossas vidas.
A combinação do enorme poder de computação, dispositivos cada vez menores e armazenamento barato permitiu um grande aumento no monitoramento indiscriminado de dados pessoais. Os rastreadores incluem muitas das instituições que deveriam estar do nosso lado, como o governo e as empresas com as quais fazemos negócios.

Claro, o maior dos monitoramentos parece ser aquele operado pelo governo dos EUA. Além de seu recolhimento de grandes quantidades de comunicações estrangeiras, a Agência de Segurança Nacional (NSA) também está recolhendo registros de chamadas dos americanos e tráfego da Internet, de acordo com documentos revelados em 2013 pelo ex-funcionário da NSA Edward Snowden.

Enquanto isso, monitoramentos comerciais estão florescendo. A AT&T e Verizon estão vendendo informações sobre a localização de seus clientes de celular, mas sem identificá-los pelo nome. Os donos de shoppings começaram a usar a tecnologia para rastrear os compradores com base nos sinais emitidos pelos telefones celulares em seus bolsos. Varejistas como a Whole Foods usaram sinais digitais que são, na verdade, scanners de reconhecimento facial.

Centenas de anunciantes e corretores de dados estão assistindo enquanto você navega na web. Uma busca por "açúcar no sangue" pode marcá-lo como um possível diabético por empresas que baseiam o perfil pessoal em sua condição médica e, em seguida, fornecem às empresas farmacêuticas e as seguradoras acesso a essas informações. Procurar por um sutiã poderia desencadear uma guerra de ofertas instantâneas entre os anunciantes de lingerie em uma das muitas casas de leilão online ...

Leia mais:




"Há uma Enorme Conspiração Global" Diz Ex-Conselheira Sênior do Banco Mundial






NSA Usa Facebook para Distribuir Vírus para Espionar, Gravar Áudio e Imagem de Webcams [SNOWDEN]







STASI - Polícia Secreta da Alemanha Oriental Também Coletou Dados




Fontes:
- Disinformation: Yes, You Are Under Surveillance
- The Week: Yes, you are under surveillance

2 comentários:

Anônimo disse...

Porém, aqui no Brasil há jornalistas que bendizem a espionagem, conforme mostra o artigo abaixo:

http://aluizioamorim.blogspot.com.br/2014/01/eficiente-espionagem-americana-evita-um.html

terça-feira, janeiro 07, 2014

A BENDITA E EFICIENTE ESPIONAGEM AMERICANA EVITA UM ASSASSINATO. E AINDA FALAM EM ANISTIAR SNOWDEN.

Jihad Jane, a americana convertida ao islamismo foi flagrada pela eficiente NSA, quando tramava o assassinato de um cartunista sueco.
É por esta e outras que eu apoio incondicionalmente que a NSA, a agência de inteligência dos Estados Unidos, que deve continuar promovendo a espionagem de segurança. Tanto é que os que bradam contra o que qualificam genericamente de "espionagem americana" são os comunistas e seus apoiadores e os idiotas de todos os gêneros.
E aproveito esta oportunidade para recomendar especialmente que leiam esta matéria os jornalistas da Folha de S. Paulo, em especial o Diogo Bercito, correspondente desse jornal no Oriente Médio e que costuma ser, vamos dizer assim, um tanto entusiasmado com os "palestinos", designativo politicamente correto da malta terrorista que avança contra o Ocidente.

BielX disse...

Isso é verdade. Nem tudo é de graça. Com a facilidade de uso vem um preço, que é o de aproveitar nossos dados para criar um banco que possibilite as empresas a controlar as propagandas, os resultados da busca nos buscadores e os links de redirecionamento (aqueles que aparecem quando vamos baixar alguma coisa num site desconhecido).

Acontece muito comigo. Eu vou num site de teclados e fecho. Depois vou acessar o tecmundo, e lá estão ofertas de teclados a preços baixíssimos. Isso também acontece com celulares, computadores, viagens e eletrodomésticos.

Posts Relacionados
 
;