RSS do Blog Anti-NOMBlog Anti-NOM no Google Mais Twitter do Blog Anti-NOM Facebook do Blog Anti-NOM

Apple, Google e Microsoft Colocam "Interruptor Mortal" em Seus Telefones

domingo, 15 de maio de 2011 |
Quando você compra um videogame, você não dá o varejista o direito de entrar em sua casa sempre que quer. Então, por que dar essa permissão para empresas de software?

A maioria dos sistemas operacionais dos smartphones mais populares e outros aparelhos eletrônicos incluem o que pesquisadores de segurança chamam de "interruptor mortal" (kill switch em inglês).

Esse recurso permite que a empresa que fabrica o software operacional possa enviar um comando através das redes da Web ou sem fio, que altera ou remove certas aplicações dos dispositivos.

Apple, Google e Microsoft incluem essa função em suas plataformas, descrito em algumas linhas de seus acordos de uso que descreve a política. Os executivos do Google e da Apple dizem que
essa característica é importante para proteger contra softwares maliciosos.

"Tomara que nunca precisemos puxar essa alavanca, mas seríamos irresponsáveis de não ter um interruptor como este para usar", disse o CEO da Apple Steve Jobs disse ao The Wall Street Journal em 2008. Está lá como uma medida de segurança para quando os guardiões da App Store erroneamente aprovarem um aplicativo que tem problemas, disse ele.

A Apple parece não ter usado este recurso nos quatro anos desde a introdução do iPhone. Um porta-voz da Apple preferiu não comentar sobre o assunto.

Andy Rubin, diretor de desenvolvimento do Google Android, disse algo parecido em uma entrevista com repórteres nesta terça-feira. Ele descreveu o interruptor mortal como uma "alavanca de segurança" ou "dispositivo de malware", utilizada para "remover o material malicioso de dispositivos, quando este caia por engano no Android Market"

A Google utilizou este procedimento de segurança duas vezes, uma no verão passado, quando um pesquisador de segurança independente desencadeou um programa potencialmente problemático, e novamente em março, depois de alguns programas maliciosos se espalharam por celulares com Android. Neste último caso, o Google acionou o interruptor cerca de 50 minutos após saberem do problema, disse Rubin.

Estes dois incidentes foram as únicas vezes que o Google tem utilizado a função, segundo uma pessoa familiarizada com o assunto. Um porta-voz do Google não quis comentar.

É necessário concordar que o Google possa apagar remotamente o software de seu aparelho para que você possa usar o android market para baixar os aplicativos. Não está claro se os fabricantes de telefones, que por vezes alteram o software básico, podem também adicionar um "interruptor mortal" próprio. A Samsung Telecommunications, um fabricante top de aparelhos portáteis Android, não respondeu a um pedido de comentário.

Research in Motion, que produz o BlackBerry, e Symbian da Nokia não acrescentam este tipo de interruptor em seus aparelhos.

--------------------------------------------------------------

A Microsoft é de do eugenista Bill Gates, e tanto ela quanto o Google são membros Premium do CFR, conselho de relações exteriores, um órgão controlado pela elite globalista que manda e desmanda na política externa americana. Por outro lado a Apple tem Al Gore em sua diretoria,um dos maiores alarmistas do aquecimento global que já apareceu.. Não está bem claro qual o limite de controle sobre os smartphones que estas empresas têm.

Realmente ficamos em uma sinuca de bico para escolher um celular que não nos deixe na mão quando a m....a for jogada no ventilador... Como um usuário do android, acho realmente preocupante que existam tais brechas que permitam alterar meu celular sem minha prévia autorização. Mas entre o android, o iphone ou o windows mobile, ainda fico com o android , mais especificamente um Nexus S, que entre nós dá um banho no IPhone em termos de aparelho :). Blackberry e Nokia infelizmente estão defasados em termos de usabilidade e funcionalidades, o que torna inútil o fato de eles não terem o tal do "kill switch".

Fontes:
CNN: Why gadget makers wield a 'kill switch'
Google flips Android kill switch, destroys a batch of malicious apps (update)
Engadget: Google flips Android kill switch, destroys a batch of malicious apps (update)

Um comentário:

Rafael Vida sco disse...

OLá oi! Bom dia! Obrigado por mais esta notícia. Até mesmo o celular pode provocar danos no cérebro se for usado em condições incorretas.

Posts Relacionados
 
;