RSS do Blog Anti-NOMBlog Anti-NOM no Google Mais Twitter do Blog Anti-NOM Facebook do Blog Anti-NOM

Maconha no Combate ao Câncer: Por que a Mídia se Cala??

quinta-feira, 28 de abril de 2011 |
Folha de maconha

Um  estudo publicado na revista "Nature Reviews-Cancer", fornece uma explicação histórica e detalhadas sobre como o THC e os canabinoides naturais combatem o câncer, mas preservam as células normais.

O estudo de Manuel Guzmán de Madrid, Espanha descobriu que os canabinóides, os componentes ativos da maconha, inibem o crescimento de tumores em animais de laboratório. Eles fazem isso através da modulação das principais vias de sinalização celular, induzindo a parada do crescimento e morte de células tumorais, bem como inibindo o crescimento de vasos sanguíneos que alimentam o tumor.

O estudo de Guzman é muito importante, de acordo com o Dr. Ethan Russo, um neurologista e autoridade mundial sobre a cannabis medicinal: "O câncer ocorre porque as células se tornam imortais, pois elas não prestam mais atenção aos sinais normais de desligar o crescimento. Uma função normal de remodelação no corpo exige que as células morram sob controle. Esta é a chamada apoptose, ou morte celular programada. Esse processo deixa de funcionar em tumores. O THC promove o seu reaparecimento, para que os gliomas, leucemias, melanomas e outros tipos de células, com efeito, fiquem atentas aos sinais, parem de se dividir, e morram. "

"Mas, isso não é tudo", explica Dr. Russo: "A outra forma que os tumores crescem é garantindo que estes sejam alimentadas: eles enviam sinais para promover a angiogênese, o crescimento de novos vasos sanguíneos. Os canabinóides também desligam esses sinais. É verdadeiramente incrível, e
elegante."

Em outras palavras, este artigo explica diversas maneiras em que os canabinóides podem ser utilizados para combater o câncer, e, como diz o artigo, "Os canabinóides são geralmente bem tolerados, e não produzem os efeitos tóxicos das quimioterapias convencionais."

Normalmente, qualquer história que sequer sugira a possibilidade de um novo tratamento para o câncer é saudada com manchetes sobre a "cura do câncer", quão remota e improvável seja. Mas se a maconha estiver envolvida, não esperem nenhuma cobertura da mídia, já que os editores tradicionais vêm silenciosamente matando esta história nos últimos 30 anos.

----------------------------------------------

Um outro estudo mais recente, publicado em 8 de abril pelo mesmo grupo, demonstrou os benefícios da utilização da cannabis no combate ao Hepatocarcinoma, o câncer de fígado. Os pesquisadores descobriram em seus estudos que a cannabis promove a inibição do crescimento de células cancerígenas.

E em um terceiro estudo, publicado em 2009 por pesquisadores da Suíça, descobriram que "os efeitos anti-tumorais mediados pelos canabinóides não estão limitados a inibição da proliferação de células cancerígenas, mas os canabinóides também reduzem a angiogênese, a migração celular e metástase, inibem a carcinogênese e atenuam os processos inflamatórios."

O intuito deste artigo não foi fazer apologia à maconha ou a qualquer tipo de drogas em geral, mas sim promover a discussão sobre uma das inúmeras possibilidades do uso da cannabis. Estes estudos vem sendo publicados há décadas, mas até hoje não chega com destaque na mídia corporativa. Pelo contrário, a mídia corporativa apenas foca em alguns poucos estudos que tentam mostrar que a maconha aumenta a incidência alguns tipos de câncer (aqui e aqui).


Fontes:
-[Estudo] Nature Review - Cancer: Cannabinoids: potential anticancer agents
[Estudo] PubMed.gov:  Anti-tumoral action of cannabinoids on hepatocellular carcinoma: role of AMPK-dependent activation of autophagy.
[Estudo] PubMed: Cannabinoid receptor ligands as potential anticancer agents--high hopes for new therapies?
Rense.com: Cannabinoids Kill Cancer And Our'Government' Has Known for 36 Years

5 comentários:

Anônimo disse...

Veja neste excelente documentário como a cannabis pode promover a cura não apenas de câncer mas de diversas doenças e o único efeito colateral é o bem estar e felicidade. Também mostra o que acontece com quem tenta promover saúde e bem estar através do uso de cannabis sem objetivar lucro.

Abraços.

Anônimo disse...

ooops!

Esqueci o link.

http://www.youtube.com/watch?v=21LMeJy7W8o

Marcio disse...

As informações expostas nesse texto justificam a perseguição que esta planta sofre por causa dos interesses da indústria farmaceutica, que logicamente prefere vender tratamentos que custam em torno de R$ 100.000,00. Pois seria fácil e barato plantar sua Cannabis em casa e fornecer materia prima para seu próprio medicamento. Só não concordo com o seu último parágrafo que diz que a maconha é uma droga, pois ela não é (não sou usuário, mas já estou plantando para meu consumo)e o texto prova isto, droga é: cocaína, heroina, crack, oxi,álcool, cigarro, etc... pois todas elas são produtos de manipulação humana e a cannabis não, basta plantar colher e tomar um chá ou fumá-la, não causa dependencia e não tem efeitos colaterais. Um abraço!

Marcio.

Anônimo disse...

Ajuda para quem sofre com cancer na vulva?

Anônimo disse...

Os links que foi deixado no site não estão funcionado. Se vocês pudessem corrigir, vou ficar feliz.

Posts Relacionados
 
;