RSS do Blog Anti-NOMBlog Anti-NOM no Google Mais Twitter do Blog Anti-NOM Facebook do Blog Anti-NOM

Internet vai se tornar paga nos próximos anos

quinta-feira, 11 de junho de 2009 |

Nos últimos dias duas personalidades da mídia e da internet deram declaracões de que a internet livre e de graca como conhecemos hoje estaria com os dias contados.

No início de maio Rupert Murdoch, deu uma entrevista na qual dizia que a internet, na forma como a conhecemos, logo logo não existiria mais. Dono da cadeia de notícias News Corporation, também é dono da do canal de TV e internet SKY. Só a News Corporation inclui centenas de canais por satélite e cabo, revistas e internet sites.

Rupert afirma que nos próximos 12 meses os sites que fazem parte de sua cadeia irão cobrar por conteúdo. Apesar do estúdio Twentieth Century Fox ter tido um grande lucro de bilheterias com "Slumdog Millionaire" e "Marley and Me", o mercado de propaganda impressa e televisiva reduziu consideradamente. Murdoch disse ainda que seus portais sociais, como MySpace e Photobucket e o site de vídeos Hulu tiveram prejuízo recentemente.

Enquanto isso Barry Dillet, presidente e principal executivo da IAC/InterActiveCorp, diz que a fase de graca da internet está chegando ao fim. Durante uma palestra na conferência Advertising 2.0, Barry Diller foi enfâtico dizendo que o período de graca da internet está no fim. "As pessoas vão pagar por conteúdo. Eles sempre pagaram". Barry diz que apesar do consumidor esperar conteúdo de graca on-line, ele chama de "um acidente em um momento histórico que será corrigido". Barry acrescenta: "Vai acontecer, é absolyutamente inevitável, não há outra forma, e algumas pessoas vão pagar e outras não".
O que não é muito novidade, Berry diz que os anúncios tendem a ser mais focados em retorno, na acão, do que apenas impressões.

Será que estamos vivendo um momento crítico, onde a internet se tornara paga por conteúdo acessado, e sites alternativos serão proibidos? Esta é a impressão que tenho, ao mesmo tempo que o governo (pelo menos dos EUA e Grã-Bretanha) comeca a atacar sites de notícias independentes e colocar sob seu controle toda a infra-estrutura de itnernet.

Veja abaixo o diagrama mostrando apenas um pedacinho do império de Rupert e Barry e como eles se relacionam. Clique no diagrama para visualiza-lo por inteiro.



Fontes:
Jornal Britânico Guardian entrevista Hupert Murdock
Barry Diller afirma que internet será paga em 3 anos
Mapa/Diagrama mostrando a relação entre Rupert e Barry

3 comentários:

Anônimo disse...

mas a internet já não é paga? tem que pagar o provedor

Anônimo disse...

só uma explicação ao que eu disse ai em cima

eu entendi qual foi o sentido da informação dessa notícia,mas é que da forma que foi colocado o título do texto dá uma impressão que a net é totalmente gratuita,o que de fato não é.

Rosana disse...

Concord com o Anonymous. A internet é paga, e em alguns celulares chega até a ser cobrada por Mb (o que é pior).
Já pago a internet. Não uso internet de graça (porque as que têm na minha cidade não prestam)
Prefiro pagar mesmo. Não entendi esse lance de "pago por conteúdo", sendo que eu pago por muitas coisa a que acesso, sejam programas ou músicas.

Posts Relacionados
 
;