RSS do Blog Anti-NOMBlog Anti-NOM no Google Mais Twitter do Blog Anti-NOM Facebook do Blog Anti-NOM

O FBI Está Tentando Criar Secretamente um Banco de Dados de DNA Nacional que Transforma Todos em um Suspeito

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2019 |

No filme de ficção científica de 2002, Minority Report, um departamento de polícia especializado conhecido como pre-crime prende “criminosos” antes de qualquer crime ocorrer com base nas informações fornecidas a eles por três médiuns chamados precogs. Quando o filme foi lançado 17 anos atrás, parecia o máximo em fantasia escapista; certamente não parecia possível que a polícia começasse a prender pessoas baseando-se no que poderiam fazer com base em seus tipos de personalidade e outras informações.

Avançando para 2019, e de repente o filme parece profético do que realmente poderia estar ocorrendo em um futuro muito próximo, embora baseado em informações fornecidas pelo DNA, e não por médiuns.


Conforme relatado pelo site Zero Hedge, o Federal Bureau of Investigation (FBI) está determinado a criar um banco de dados contendo o DNA de praticamente todos os humanos no país, e pelo menos três desenvolvimentos recentes estão trabalhando juntos para que eles alcancem seu objetivo.

Por um lado, o Congresso aprovou uma legislação que permite que policiais colecionem e testem amostras de DNA imediatamente após a prisão de pessoas. Além disso, em 2017, o presidente Trump assinou a Rapid DNA Act, que permite que policiais usem instrumentos especiais de resultado rápido para criar análises de DNA a partir de amostras de DNA e então incluir essas amostras no banco de dados de DNA do FBI, conhecido como CODIS.


Policiais Exigem DNA de Usuários de Sites de Genealogia






E, finalmente, várias sentenças judiciais importantes foram recentemente aprovadas permitindo que a polícia pegue amostras de DNA de pessoas que foram presas, mas que ainda não foram condenadas por um crime.

Logo poderíamos ser uma sociedade onde o conceito de “inocente até que se prove o contrário” é apenas uma lembrança distante.


Estudo Aponta que IA Estilo Minority Report Usado Pelas Cortes por 20 Anos é tão Preciso Quanto um ser Humano não Treinado




A “impressão digital moderna”

A polícia gosta de se referir ao DNA como a “impressão digital moderna”. Todos os humanos perdem DNA o tempo todo, tornando-se uma excelente maneira de capturar aqueles que cometeram crimes. O que é DNA? O ácido desoxirribonucleico, ou DNA como é comumente conhecido, é uma molécula longa presente em praticamente todas as células do corpo humano que contém a “receita” para o aspecto de cada ser humano, suas características específicas, seus traços de caráter específicos e falhas. Não há duas pessoas compartilhando exatamente o mesmo DNA, o que significa que quando a polícia encontra vestígios de DNA na cena do crime, pode provar exatamente quem cometeu um crime... se eles tiverem certeza de que o DNA não pertence a outra pessoa.

O problema com o DNA de uma perspectiva de privacidade e da Quarta Emenda é que ele contém informações como se uma pessoa está predisposta a ser um seguidor ou um líder, um pacificador ou encrenqueiro, etc. Se o FBI começar a prender pessoas que eles acreditam que provavelmente cometerão crimes no futuro com base em sua programação genética, será uma ladeira escorregadia que poderia nos levar a viver em um mundo do tipo Minority Report em pouco tempo.


Spotify Quer Criar Playlists com Base no seu DNA






Cuidado com o que você compartilha

Você pode sentir que nada disso precisa te preocupar. Talvez você seja um cidadão normal, equilibrado e respeitoso da lei e acredite que é improvável que o FBI ponha as mãos no seu DNA. Pense de novo. Existem várias maneiras pelas quais o FBI pode acessar seu DNA, e você pode até mesmo entregá-lo a ele voluntariamente usando serviços genealógicos e ancestrais. Conforme relatado pelo site Zero Hedge:

Até mesmo hospitais entraram no jogo pegando coletando e armazenando o DNA de recém-nascidos, muitas vezes sem o conhecimento ou consentimento de seus pais. Faz parte da triagem genética obrigatória do governo de recém-nascidos. No entanto, em muitos estados, o DNA é armazenado indefinidamente. 

Para o resto de nós, é apenas uma questão de tempo até que o governo consiga o nosso DNA, seja através de programas obrigatórios em conexão com a aplicação da lei e a América corporativa, acessando sem garantia nosso DNA familiar compartilhado com serviços genológicos como Ancestry e 23andMe.

Se você acredita que o governo apenas agirá honrosamente e com os melhores interesses em mente, então você não precisa se preocupar. Para muitos observadores, no entanto, um exame do comportamento governamental passado os deixa muito desconfortáveis ​​com o que o FBI provavelmente fará com essa informação.

Leia mais:


[Pré-Crime] Primeira Prisão é Feita a Partir de Câmeras de Reconhecimento Facial






Companhia Russa Adiciona a Tecnologia de Reconhecimento Emocional de Pré-Crime às Câmeras de Vigilância













Fontes:
Natural News: FBI seeking to covertly create national DNA database that turns everyone into a suspect … and you help create it if you use DNA analysis services
Zero Hedge: Uncle Sam Wants Your DNA: The FBI's Diabolical Plan To Create A Nation Of Suspects
Congress: All Information (Except Text) for H.R.510 - Rapid DNA Act of 2017

Nenhum comentário:

Posts Relacionados
 
;