RSS do Blog Anti-NOMBlog Anti-NOM no Google Mais Twitter do Blog Anti-NOM Facebook do Blog Anti-NOM

Merkel Recebe Prêmio Católico por Ajudar Migrantes Muçulmanos, Trump Critica

domingo, 13 de maio de 2018 |

Ela 'abriu as fronteiras, mostrando coragem e determinação, sem medo de ir contra a opinião pública', elogiou o padre

A chanceler alemã afirmou que a Alemanha permanecerá no Plano de Ação Integral Conjunta, rejeitando o apelo do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, para seguir seu exemplo ao deixar o acordo e restabelecer sanções em grande escala contra Teerã.


A chanceler alemã Angela Merkel recebeu a "Lâmpada da Paz" - um prêmio católico por perseguir a coexistência pacífica entre as nações.

Durante a cerimônia de premiação na Basílica de São Francisco, na cidade italiana de Assis, no sábado, Angela Merkel afirmou que a recente escalada do conflito israelense-iraniano causou profunda preocupação, acrescentando que a decisão do presidente Donald Trump de retirar os EUA do acordo nuclear iraniano torna a situação no Oriente Médio “ainda mais tensa” para ser resolvida.

Em pé na igreja do século 13, a chanceler alemã mencionou a Síria como "uma das maiores tragédias humanitárias" do mundo moderno, instando os políticos de todo o mundo a fazer todo o esforço possível para acabar com a crise.

"Este conflito se tornou um conflito de interesses regionais, um conflito de religiões... e é por isso que o prêmio de hoje me lembra e a muitos outros líderes europeus que deveríamos estar mais envolvidos na solução deste conflito", disse ela.

Merkel também alertou sobre a ascensão do populismo na Europa e particularmente na Itália, alegando que "a tolerância deve estar sempre presente na União Européia".
De acordo com o diretor do Sacred Convent of Assisi, Enzo Fortunato, Merkel foi premiada por seus esforços para aceitar os refugiados.

Neste período doloroso e crucial do resultado bíblico dos sírios de suas terras, a chanceler alemã abriu as fronteiras, demonstrando coragem e determinação, sem medo de ir contra a opinião pública”, observou o sacerdote, explicando a decisão da Ordem dos Franciscanos.

O prêmio foi feito em 1981 para o líder sindical polonês Lech Walesa. Entre seus destinatários anteriores estão o papa João Paulo II, o Dalai Lama, Madre Teresa de Calcutá e o ex-presidente soviético Mikhail Gorbachev.

Leia mais:


Reze para Allah, diz Novela da Alemanha







França Proíbe Filme Cristão, mas Permite que Oração Muçulmana Bloqueie o Trânsito












Fontes:
- Infowars: MERKEL RECEIVES CATHOLIC AWARD FOR HELPING MUSLIM MIGRANTS, CRITICIZES TRUMP
Sputnik International: Merkel Receives Catholic Award for Helping Refugees, Criticizes Trump

Nenhum comentário:

Posts Relacionados
 
;