RSS do Blog Anti-NOMBlog Anti-NOM no Google Mais Twitter do Blog Anti-NOM Facebook do Blog Anti-NOM

Estudo Involuntariamente Liga as Vacinas ao Autismo

quinta-feira, 15 de junho de 2017 |

A mulher grávida recebe vacinas. As vacinas causam febres. As febres estão ligadas a bebês autistas.

Comece com isso:

Um novo estudo liga a febre em mulheres grávidas a um risco aumentado de autismo em seus bebês.

MedicalNewsToday (13/06/17): "Um estudo de um grande grupo de crianças encontrou uma ligação entre o risco aumentado de transtorno do espectro do autismo e suas mães que relataram febre durante a gravidez. A ligação foi mais forte em relação às febres relatadas durante o segundo trimestre".


"O estudo - liderado pela Mailman School of Public Health na Universidade Columbia, em Nova York - também descobriu que o risco de autismo aumentou em consonância com o número de febres reportadas após 12 semanas de gestação - aumentando para 300% maior risco [de autismo] com relatos de três ou mais febres".

Em seguida, aqui está um item curto da página da Organização Mundial da Saúde, Vaccine Safety Basics. O item está sob o título de "reações menores de vacina", e aplica-se a todas as vacinas: a reação é FEBRE .

A mulher grávida recebe vacinas. As vacinas causam febres. As febres estão ligadas a bebês autistas.

Aqui está uma lista de vacinas do CDC administradas em mulheres grávidas, sob várias condições: Hepatite A, Hepatite B, gripe, Tdap (tétano, difteria, tosse convulsa), meningocócica, poliomielite, raiva. A febre, como um efeito adverso típico e menor, seria esperada e ignorada por TODAS E QUAISQUER  dessas vacinas.

Aceitando a descoberta do novo estudo, citado acima - a vacinação de rotina para mulheres grávidas está associada a um risco aumentado de autismo em seus bebês.

Em poucas palavras, é isso.

Sem dúvida, se você apontar a inevitável conclusão a um médico ou um pesquisador, eles tentariam escapar dela. Eles diriam: "Bem, não estamos falando de febre resultante de vacinas. Estamos falando de febre proveniente de uma infecção na mulher grávida." Sério? Por que você não acha que a vacina está produzindo febre? Ela está causando uma infecção, e o sistema imunológico está reagindo. A febre é uma consequência totalmente esperada.

Nota: Não estou dizendo que a geração de febre é a única razão pela qual as vacinas causam autismo e vários tipos de dano neurológico. Estou dizendo que aqui há uma nova conexão.

E a medicina e a imprensa mainstream irão ignorar isso completamente.

Leia mais:


Donald Trump se Opõe às Vacinas e Alerta sobre a Ligação das Vacinas com o Autismo












Fontes:
- Infowars: Infowars: SHOCKER: STUDY UNWITTINGLY LINKS VACCINES TO AUTISM
Medical News Today: Fever in pregnancy tied to higher risk of autism
Vaccine Safety Basic: VACCINE REACTIONS
CDC: Maternal Vaccines: Part of a Healthy Pregnancy

Nenhum comentário:

Posts Relacionados
 
;