RSS do Blog Anti-NOMBlog Anti-NOM no Google Mais Twitter do Blog Anti-NOM Facebook do Blog Anti-NOM

Os Veterinários Dirão NÃO Quando os Donos de Animais Ultra-Liberais Exigirem Cirurgias de Mudança de Sexo para Seus Cães e Gatos?

sexta-feira, 17 de março de 2017 |

Os liberais estão, em muitos sentidos, em um enigma. Por um lado, eles cultuam a ciência e criticam qualquer um que possa ser um pouco cético em relação aos “fatos e evidências” que eles apresentam. Por outro lado, porém, eles resistem à ciência básica e biologia quando se trata de questões transgênero. Mesmo que gênero e sexo sejam definidos pelos órgãos reprodutivos que você nasceu, os liberais rejeitam este conceito muito básico e insistem que o sexo é definido pelo que se passa dentro de sua cabeça. Em outras palavras, se você se sentir como um homem, então você é um homem, e se você se sentir como uma mulher, então você é uma mulher, mesmo que esses sentimentos contradigam a anatomia humana.


Claro, como alguém sente no interior é muito subjetivo e carece de qualquer definição real. Como resultado, é impossível dizer até que ponto os liberais vão em sua busca interminável por tolerância e inclusão. Quem pode dizer, por exemplo, que uma mulher que se sente como um gato não pode ser um gato? Quem pode dizer que um homem que se sente como nenhum gênero descreve exatamente que ele tem que ter um gênero, afinal? E por que essa mentalidade “vale tudo” só se aplica aos seres humanos?

Como um veterinário responde a um proprietário do animal de estimação que quisesse mudar seu cão macho em um cão fêmea? O veterinário diria não? E se o veterinário se recusasse, os liberais o classificariam como intolerante fanático?

Naturalmente, para os americanos racionais, isso soa bobo. Os cães nem mesmo podem dizer a diferença entre um outro cão e sua própria reflexão, já que sozinhos determinam que gênero preferem ser. No entanto, quando você considera a mentalidade do Partido Democrata moderno, a ideia de gatos e cães transgêneros realmente não é tão rebuscada. Apesar de tudo, muitos americanos tratam seus animais de estimação apenas como suas crianças mesmo assim, e a maioria dos pais estão dispostos fazer qualquer coisa para ver suas crianças felizes.

Tomemos, por exemplo, Mack Beggs, de 17 anos, que nasceu menina, mas agora está em processo de se tornar um homem. A avó de Beggs, que por acaso é sua guardiã legal, tem ajudado ela a ter acesso a esteroides há algum tempo, ajudando-a assim em seu objetivo de transição para um homem. No início deste mês, Beggs, que é um lutadora no ensino médio, gerou polêmica por competir em um torneio com outras mulheres biológicas por tomar esteroides, os quais alguns pais alegaram dar-lhe uma vantagem injusta. A avó de Beggs defendeu sua neta, dizendo que o ultraje se tratava de “preconceito, ódio e ignorância”.

No Brooklyn, Nova York, a mãe Jodie Patterson também está criando uma criança transgênero, mas esta é muito mais jovem que dezessete anos de idade. Durante toda sua vida até os 3 anos, Jodie percebeu que sua filha Penélope parecia irritada e infeliz. Quando ela finalmente perguntou o que estava errado, Penelope disse que se sentia como um menino, mas “todo mundo pensa que eu sou uma menina.” Jodie instantaneamente aceitou o fato de que sua filha era uma criança trans e começou a tratá-la como um menino. “Aquele rosto todo rabugento tornou-se um rosto feliz“, ela explicou.

No entanto, apenas porque alguns pais dão aos seus filhos terapia hormonal e tratá-los como o gênero que eles se sentem, o oposto do sexo que eles são, não significa que isso é necessariamente saudável. O Dr. Paul McHugh, ex-psiquiatra-chefe do Hospital Johns Hopkins, explicou ao Wall Street Journal que a cirurgia transgênero não é a solução correta para pessoas que sentem ter nascido com o sexo errado. Além disso, McHugh citou um estudo que mostrou que as taxas de suicídio entre os transgêneros que foram submetidos a cirurgias, é 20 vezes maior do que as taxas de suicídio entre aqueles que não são transgêneros.

Mesmo que os pais gostem de ver seus filhos felizes e muitas vezes mais do que dispostos a ajudá-los na transição para o seu sexo preferido, não é o mais sábio, e certamente não é a decisão mais prática.

Leia mais:


Projeto de Lei de Jean Wyllys: Mudança de Sexo em Crianças sem Consentimento dos Pais pelo SUS












Fontes:
- Notícias Naturais: Os Veterinários Dirão NÃO Quando os Donos de Animais Ultra-Liberais Exigirem Cirurgias de Mudança de Sexo para Seus Cães e Gatos?
Natural News: Will veterinarians say NO when ultra-liberal pet owners demand sex change surgeries for their “transgendered” dogs and cats?
Natural News: Transgender female wrestler taking steroids to become MALE wins championship against girls… lawsuits fly
Reuters: U.S. parents accept children’s transgender identity by age three
CNS News: Johns Hopkins Psychiatrist: Transgender is ‘Mental Disorder;’ Sex Change ‘Biologically Impossible’

Nenhum comentário:

Posts Relacionados
 
;