RSS do Blog Anti-NOMBlog Anti-NOM no Google Mais Twitter do Blog Anti-NOM Facebook do Blog Anti-NOM

Obama Declara Emergência Nacional Pela Gripe Suína, Saiba o Verdadeiro Porquê!!

domingo, 25 de outubro de 2009 |
Segundo o CDC, as infecções de gripe suína já atingiram o seu pico nos Estados Unidos, e a pandemia está caminhando para seu fim. O pico da infecção ocorreu no meio de outubro, onde uma em cada cinco crianças americanas tiveram a gripe, diz o CDC. De cerca de 14.000 casos suspeitos de gripe testadas durante a semana que terminou em 10 de outubro de 2009, 99,6% deles foram da gripe A, e a grande maioria deles foram confirmados como infecções pelo vírus H1N1 da gripe suína. (http://www.cdc.gov/flu/weekly/)

Mesmo que a pandemia de H1N1 parece já ter atingido e passado do seu pico, o presidente dos Estados Unidos declarou ontem Estado de Emergência Nacional por causa da "pandemia" da gripe suína. O raciocínio por trás dessa declaração? Segundo a Casa Branca, foi para "permitir que os hospitais melhor lidem com o aumento dos pacientes", permitindo-lhes contornar certas leis federais.

Essa é a explicação para o público, mas a verdadeira agenda por trás dessa declaração pode ser muito mais sinistra. Declarando emergência nacional imediatamente dá às autoridades federais novas competências que agora podem agora ser executadas homens armados, incluindo:

  • O poder de forçar vacinação obrigatória contra a gripe suína em toda a população.
  • O poder de prender, colocar em quarentena ou "transportar involuntariamente" qualquer pessoa que se recuse a receber a vacinação da gripe suína.
  • O poder de declarar quarentena em uma cidade inteira e suspender todas as viagens para dentro ou fora desta cidade.
  • O poder de entrar em qualquer casa ou escritório, sem um mandado de busca e ordenar a destruição de quaisquer bens ou estruturas consideradas ameaças à saúde pública.
  • A efetiva anulação da "Bill of Rights"(Carta de Direitos dos EUA). São anuladas e sem efeito devido a declaração presidencial de uma emergência nacional: o direito ao devido processo legal, estar a salvo de busca e apreensão pelo governo e o direito de permanecer em silêncio para evitar auto-incriminação.
Isto não quer dizer que os agentes federais irão marchar de porta em porta prendendo as pessoas sob mira de revólver se elas se recusarem a tomar a vacina, mas quer dizer que poderiam, se quisessem. Os direitos como americano não são mais reconhecidos pelos termos da presente declaração de emergência nacional.
  • Que emergência?
A declaração desta emergência nacional parece suspeita desde o início. Onde está a emergência? O número de pessoas mortas por gripe suína nos Estados Unidos é muito menor do que o número de pessoas mortas a cada ano pela gripe sazonal, isto de acordo com estatísticas do CDC. As pessoas obviamente não estão caindo mortas aos milhões por causa da gripe H1N1. A maioria das pessoas estão apenas tendo sintomas brandos de gripe e alguns dias depois já melhoram.
  • Então, onde está a emergência?
A única emergência que eu vejo é a emergência fabricada pela Indústria Farmacêutica para vender mais vacinas. Ao declarar uma emergência nacional por causa da H1N1, Obama está jogando o seu jogo.
  • Suspensão da Vacinação em Nova York
O momento em que isto ocorre é curioso. Dois dias atrás, as autoridades de Nova York desistiram de exigir vacinação obrigatória para os trabalhadores da saúde. Isso foi projetado para neutralizar um grande número de protestos planejados de das pessoas preocupadas com a liberdade em relação à saúde que não querem que elementos químicos do governo sejam bombeado a força em suas veias.

Os protestos previstos em Nova York teriam estimulado ainda mais a resistência entre os profissionais de saúde em todo o país se a obrigatoriedade tivesse continuado, e poderia ter resultado em um enorme repercussão a nível nacional contra as vacinas da gripe suína. Ao retirando a obrigatoriedade das vacinas, culpando a falta de vacina, e em seguida Obama declarar uma emergência nacional, os líderes nacionais e estaduais americanos suspendem os protestos e ao invés estabelecem na prática uma ordem pró-Big Brother que pode ser executada sob a mira de revolver.

A indústria farmacêutica deve estar satisfeita com tudo isso. Com estes poderes de emergência valendo, tudo que é necessário para forçar a vacinação sobre toda a população é uma maior oferta de vacinas - e que acontecerá em novembro.

Fontes:
AFP: Obama decreta estado de emergência nacional por gripe suína
Natural News: President Obama declares national emergency over swine flu pandemic; but why?

4 comentários:

marconi disse...

Talvez a vacina,não seja pra gripe e sim pra uma nova doença que será solta em breve, e eles não querem que a população deles morram, e sim os não vacinados, e não podem alertar, porque todo mundo saberá o plano. No resto do mundo eles dão outra vacina, que mata!

Dário Cardina Codinha disse...

hehehe!! grande filme!! A vacina da gripe é específica para gripe. Não para outro vírus.

Anônimo disse...

SABEMOS, JESUS ESTÁ VOLTANDO.ISTO É APENAS MAIS UM SINAL DE VÁRIOS SINAIS QUE JÁ VIRMOS, E ESTAMOS VIVENCIANDO.A BÍBLIA ESTÁ SE CUMPRINDO A CADA DIA.
E AS PESSOAS NÃO SE ATENTARÃO PARA ISSO, É BIBLICO. NA MINHA OPINIÃO ISTO PODE SER UMA REDUÇAÕ DA POPULAÇÃO.TEMOS QUE SEGURA NAS MÃOS DE DEUS E SEGUÍ-LOS!!!

Anônimo disse...

Eu não entendo porque esse povo critica e acha impossível esses governos fazerem tanta coisa errada com a população e depois chamam isso de "teoria da conspiração". Esse negócio de gripe disso e daquilo não é de hoje que grandes conglomerados farmaceuticos no mundo todo lançam virus criados em laboratório para depois vender a vacina muito mais caro, pois quando imaginem a população inteira de país apavorada com medo de epidemia???? É o caos como foi com a gripe suina e tantas outras.... a gripe do frango alguns anos atrás, etc. Isso tudo só pode ser verdade. Não existe nada impossível para essa gente, são doentes por dinheiro, por poder e são capazes de qualquer coisa, matar, mutilar, fazer lavagem cerebral, tudo isso para controlar populações, dominar o mundo, enfim...Ainda acho que nós aqui no Brasil apesar da pouca instrução e baixa escolaridade, tem gente aki que consegue refletir melhor do que muitos estrangeiros por aí vivendo em países de primeiro mundo, tecnologia avançada e tudo mais, como nos EUA por exemplo. Americanos confiam demasiadamente no seu governo, tudo que o presidente fala eles acreditam. É bem verdade que nem todos acreditam, mas aqueles que desconfiam não tem coragem para dizer porque sabem das consequências então se calam. Então esses países do primeiro mundo onde a população é mais instruída acaba sendo mais enganada pois confiam em tudo o que o governo diz e faz.
Lyz.

Posts Relacionados
 
;